.
PRIVATIZAÇÃO CHAPA-BRANCA



O BNDES, banco estatal, vai financiar até 80% dos projetos de expansão dos aeroportos de Guarulhos, Viracopos e Brasília, transferidos em leilão, para investidores e operadores privados. Privados?

O financiamento é estatal. Entre os investidores, os fundos de pensão das estatais Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Petrobras. E 49% do capital das futuras concessionárias já tem dono: a estatal Infraero, que é do ramo.

Ah! Nesta privatização meio chapa-branca, o governo já garantiu R$ 24,5 bilhões, sem trabalho, sem risco, sem perda patrimonial. R$ 24,5 bilhões por um simples carimbo, o da chamada outorga onerosa.

O melhor negócio do mundo.

(07/02/2012)